fbpx

Fala ae!

Hoje vamos falar do desenvolvedor independente Igor Lemon que produziu o jogo Zap Zone,  maze shooter moderno inspirado por clássicos como Pac-Man.


Igor tem 36 anos, formado em Webdesing, é de Atibaia – SP, nasceu em Niterói – RJ e viveu grande parte da sua vida em RECIFE – PE.

Trabalhou por mais de 05 anos até perceber que não estava feliz com o que estava fazendo. Apesar de não ter muito conhecimento na área de desenvolvimento de jogos, decidiu investir seu tempo e energia para aprender através de cursos online e leitura de artigos.

Começou aos poucos e navegou por várias ferramentas até chegar no UNITY, onde encontrou maiores possibilidades. Se empenhou em aprender 3DS Max mesmo  sem nunca ter mexido nesse programa antes. Quanto mais estudava, mais percebia que estava no caminho certo. Sempre foi apaixonado por criar personagens e desenvolver todos os elementos necessários para criar uma boa história.

Depois de um tempo, sentindo-se confiante e acreditando que estava no caminho certo, decidiu após muito planejamento sair do seu emprego. Primeiro focou em aumentar suas habilidades, fez os primeiros testes e preparou o terreno para a grande mudança que viria.

Seu propósito inicial era desenvolver um jogo simples que tomasse pouco tempo e que servisse para ser exibido como portfólio o mais rápido possível, assim, aumentando suas chances de conseguir ser contratado por alguma empresa na área de games.

Se inspirou no clássico PacMan, adicionando alguns elementos e uma estética mais moderna e cativante, trazendo assim, uma nova identidade ao conceito original.

Iniciou o projeto sozinho focado no Design, a habilidade que considera seu ponto mais forte. Depois de criar os personagens e alguns elementos do cenário, mostrou para dois amigos que conheceu através do Facebook. Bruno Ton foi o primeiro a entrar e mais pra frente Rianner Schaidhauer se juntou a equipe. Nesse ponto se formava ZAP ZONE TEAM.

Dica: Podemos notar que o Igor conseguiu adesão de companheiros após mostrar seu progresso. Caso esteja tendo dificuldades para conseguir membros para uma equipe essa pode ser uma boa dica. 🧐

Igor lembra que a maior dificuldade era a falta de experiência por nunca ter trabalhado com desenvolvimento de jogos. Queria ver os jogos darem certo e as pessoas jogando, mas sempre acabava desmotivado e abandonava os projetos. Estava consciente de que isso seria solucionado com mais estudo e dedicação.

Seu grande aprendizado é o de sempre colocar prazo no projeto e manter-se focado no escopo evitando novas funcionalidades, mas que todos esses projetos serviram como degrau para desenvolver suas habilidades de produção, otimização de modelos, criação de GDDs e outras.

Mesmo não tendo sucesso nos projetos anteriores, Igor persistiu e começou o jogo que seria chamado de Zap Zone, mas agora com muito mais experiência conquistada através dos projetos anteriores.

Tinha uma ideia do caminho que devia trilhar e de quais armadilhas deviria se esquivar. Manteve o projeto pequeno e enxuto até que se deparou com algo mais desafiador.

Como fazer o jogo não ser entediante!? Conta que exigiu um processo delicado que era determinante, pois se mal gerenciado, tornaria o jogo entediante ou não jogável.

Para resolver esse problema Igor fez inúmeros testes e zerou o jogo mais de 10 vezes para criar o que ele considerava de minimamente bom. Chegou em um ponto que já não sabia mais dizer se o jogo estava fácil ou se já estava acostumado demais em jogar, o que tornava o processo de ajustar a jogabilidade do jogo mais complexo.

Contou também que estava com uma equipe confiável que se dedicou para aprender coisas novas para implementar as funcionalidades desejadas.

Apesar das limitações e de estarem executando o desenvolvimento inicial em horas livres, a equipe só conseguiu finalizar o projeto, pois todos tinham em comum o sonho de lançar um jogo.

Zap Zone foi muito bem recebido pelo público e obteve críticas positivas na Steam.

Igor considera o Zap Zone um projeto simples mas com uma produção mais elaborada. Deixa a dica de que empresas de games compreendem a dificuldade de produzir um jogo independente, mas quando se deparam com um produto interessante, mesmo que pequeno, sabem valorizar os pontos positivos dele.

E foi exatamente isso que aconteceu, Zap Zone foi comprado por um empresa que decidiu investir no projeto e em vários protótipos desenvolvidos ao longo do percurso.

Hoje Igor Lemon reconhece que todo esforço e dedicação definitivamente valeram a pena e está feliz trabalhando com o que realmente gosta na empresa que comprou o Zap Zone.
Acorda com um sorriso no rosto e sente que seu trabalho realmente o preenche.

Acredita que está no lugar certo e que o futuro é promissor.

Não esqueça de conferir o jogo na STEAM:

Gostou da história do Igor Lemon? Deixe seu comentário 😎

 

Apaixonado por inovação e tecnologia, atuo a mais de 15 anos no mercado, sempre ajudando no desenvolvimento de negócios e na viabilização projetos através de serviços de consultoria, tecnologia e ações de comunicação.

Pin It on Pinterest